AULAS DE PILATES

Como surgiu o método
O alemão Joseph Pilates, criador do método que leva seu nome, sofria de asma quando criança e tinha o corpo debilitado. Sua história poderia ter sido como a de muita gente que passou por problemas semelhantes: a impossibilidade de fazer exercícios físicos transformada em uma infância dedicada aos livros seguida de carreira intelectual. Pilates não. Ele experimentou ginástica, mergulho, esqui e boxe e encontrou formas de superar suas limitações. 

Em nossa clínica trabalhamos com Pilates Solo praticando exercícios para a região corporal que Pilates chamava de “Casa da Força”.
Os praticantes desenvolvem consciência corporal, melhora postural, força muscular principalmente nos músculo da região abdominal, região glútea e coxas. Obtém ganhos de flexibilidade e alongamentos.  E também desenvolvem melhor equilíbrio e propriocepção.


Tudo isso se reflete no dia a dia de cada um que relatam diminuição de dores no corpo em geral e, sobretudo, melhora dos problemas que envolvem a coluna vertebral como ciatalgia, protrusão discal e outros. Além dos benefícios citados relatam melhora geral da qualidade de vida, do sono e da atenção nas tarefas diárias e de trabalho.


Em algumas aulas são utilizados alguns instrumentos como bolas suíças, bastões e faixas elásticas com a finalidade de auxiliar o entendimento da correção postural e trabalho abdominal. Mas o principal trabalho é realizado com a própria consciência de força, de alongamento e postura do aluno.


As aulas são realizadas em grupos de até 10 alunos, duas vezes por semana, com uma hora de duração cada.

 

 

 

Momentos de uma aula

 

PARCEIROS